6 de mar de 2012

Legista de Whitney Houston recebe denúncias de assassinato



Segundo o site TMZ, o médico legista que ficou cuidou da investigação da morte de Whitney Houston tem recebido ligações anônimas para falar que a cantora foi assassinada. As ligações seriam de supostos parentes de Whitney ou de seu ex-marido, Bobby Brown.
No entanto, no quarto de hotel onde a cantora foi encontrada morta, a perícia não achou indício que levasse à morte por assassinato. A causa ainda continua um mistério, pois os resultados toxicológicos ainda não saíram.
Por enquanto, a polícia suspeita que Whitney tenha morrido em decorrência de uma overdose de remédios controlados para dormir e álcool. A hipótese de afogamento, por ela ter sido encontrada na banheira, já foi descartada.
No próximo domingo, vai ao ar nos Estados Unidos a entrevista que a filha, Bobbi Kristina, deu à apresentadora Oprah Winfrey. “Oprah foi leal à minha mãe e nunca a fez parecer uma pessoa ruim”, Bobbi teria comentado com amigos próximos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá aqui é Bruna (Bubu)
Obrigada por deixar sua opinião , ela é sempre muito importante e será lida assim que puder .

- É proibido qualquer tipo de ofensa e palavras de baixo calão.
- Aceitamos criticas construtivas
Obrigada!